Existem várias formas de obter mais lucros com a sua marca, além de gerar mais visibilidade e torná-la conhecida em diversos lugares.

Além da venda dos produtos ou serviços oferecidos, que é o principal gerador de renda para um negócio, alguns empreendedores devem se perguntar como lucrar com uma marca além da forma convencional.

Para isso, separamos três benefícios que o registro de marca garante para que seu negócio cresça mais e seja mais lucrativo.

Confira!

Licenciar

Com o registro da marca é possível licenciar – conceder autorização de uso, alienar – transferir para outro, e ceder – colocar à disposição para uso por terceiros.

No caso do licenciamento, é uma opção para quem quer aumentar as vendas, aumentar a visibilidade da marca e promover os produtos ou serviços no mercado.

Por esse motivo, é bem importante fazer o registro da marca no Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI).

Franquia

Atualmente, a franquia é uma opção para quem quer investir em um novo negócio, principalmente que já tenha o nome consolidado no mercado, além de ser um modelo de sucesso.

Porém, somente quando se tem o registro é possível usufruir desse sistema e permitir que os franqueados tenham direito de uso de marca, além do direito de distribuição exclusiva.

Royalties

Royalty é a quantia paga para um proprietário de marca pelo direito de usar, reproduzir, explorar, comercializar um produto, entre outros.

Essa vantagem é exclusiva também para quem tem o devido registro da marca.

Agora que você viu outras formas de como lucrar com uma marca, vamos explicar como funciona o registro!

Registro de marca: mais lucros para seu negócio!

No Brasil, o sistema de obtenção de registro de marca é conhecido como atributivo do direito, sendo regulamentado pela Lei da Propriedade Industrial.

Ou seja, isso significa que a empresa que iniciar os procedimentos necessários para o registro, adquire o direito de uso exclusivo.

Por isso, o registro da marca junto ao INPI deve ser providenciado com a máxima urgência.

Além disso, funciona o princípio da anterioridade, isto é, quem solicita o registro primeiro torna-se o dono da marca.

Fale com um de nossos especialistas e garanta o registro da sua marca!